Pós-doutores/as

Bolsistas PNPD - CAPES 

 

foto chirley

Chirley Rodrigues Mendes

chirley_mendes@ufg.br

http://lattes.cnpq.br/2122024014457136

Professora do Magistério Superior na Universidade Federal do Norte do Tocantins (UFNT), Campus de Tocantinópolis, na área de Antropologia no Curso de Ciências Sociais - Licenciatura. Pós-Doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social (PPGAS) da Universidade Federal de Goiás (UFG). Pesquisadora e membro associada do Instituto Mulheres e Economia (imuê) e membro do Coletivo Rosa Parks vinculado ao PPGAS-UFG. Doutora em Antropologia Social pela Universidade de Brasília (UnB) como bolsista CNPq, com Estágio de Doutorado Sanduíche (PDSE-CAPES) na Universidade de Cabo Verde (UniCV) e participação no Programa Internacional de Apoio à Pesquisa e ao Ensino por meio da Mobilidade Docente e Discente Internacional (Pró-mobilidade Internacional - CAPES-AULP), por meio do qual desenvolveu pesquisa sobre juventude e cursos de vida em Cabo Verde a partir do marcador social de gênero e das relações geracionais, em contextos urbanos e rurais da Ilha de Santiago, trajetórias de vida, regimes de intimidade e domesticidade, práticas de cuidado e saberes compartilhados entre mulheres a partir de suas redes de apoio e ajuda mútua. Mestre em Antropologia Social pela Universidade de Brasília, tendo realizado pesquisa junto a estudantes africanes de países de língua portuguesa residentes no Brasil acerca do consumo de telenovelas brasileiras e localizando as percepções sobre a cultura, a sociedade brasileira e sua identidade, a partir das narrativas televisivas. Graduada em Ciências Sociais pela Universidade Estadual de Montes Claros, com pesquisa sobre a relação entre jovens universitários e práticas religiosas no espaço da universidade a partir da análise de Grupos de Oração Universitários (GOUs). Tem interesse nas temáticas: gênero; família, regimes de intimidade e domesticidade, história de vida e trajetórias de vida; estudos e teorias do cuidado, redes de apoio, sociabilidade e reciprocidade; feminismo negro, africano e latino-americano e caribenho; teoria feminista ocidental; teorias queer; estudos pós-coloniais e decoloniais; estudos africanos e produção de conhecimento e intelectualidade africana; estudos afro-brasileiros e relações étnico-raciais; juventude, relações geracionais e estudos das gerações e cursos de vida (infância, juventude, maturidade, envelhecimento); teorias do consumo, mídias, produção cultural e televisiva; antropologia urbana, estudos sobre as cidades, espacialidades e fluxos urbanos; antropologia do corpo e das emoções; antropologia da religião.

Indira Nahomi 2

Indira Nahomi Viana Caballero

indiranahomi@ufg.br

http://lattes.cnpq.br/1574799688566638

Possui graduação (2003) em Ciências Sociais pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, mestrado (2008) e doutorado (2013) em Antropologia pelo Museu Nacional/Universidade Federal do Rio de Janeiro. Realizou pesquisa etnográfica nos Andes peruanos e seus principais interesses de pesquisa giram em torno dos seguintes temas: trabalho, política, paisagem, ecologia, alimentação, festa, música e dança. Trabalhou como pesquisadora do Colégio Brasileiro de Altos Estudos da UFRJ durante 2013 e 2014. Em 2015 vinculou-se como bolsista de pós-doutorado da FAPEMIG a um projeto transdisciplinar sobre serviços ecossistêmicos na região metropolitana de Belo Horizonte. Foi professora visitante do Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social da Universidade Federal de Roraima entre 2016 e 2018. É professora colaboradora do Centro de Estudos Mesoamericanos e Andinos da USP. Atualmente faz pós-doutorado no Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social da Universidade Federal de Goiás com bolsa PNPD/Capes.

 

bitante

Luís Antonio Bitante Fernandes

luis.fernandes@ufmt.br

http://latees.cnpq.br/3459293971039268

Graduado em Ciências Sociais pela Universidade Estadual Paulista - UNESP (1993), Mestrado em Ciências Sociais pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo – PUC/SP (2005) e Doutorado em Sociologia pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - UNESP/FCL - Ar. (2011). Atualmente é Pós-Doutorando pelo Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social - PPGAS/UFG. Professor Associado II, na Universidade Federal de Mato Grosso – UFMT/Campus do Araguaia, está cadastrado ao Programa de Pós-Graduação em Sociologia - ICHS/UFMT/Cuiabá. Coordena o Núcleo de Pesquisa Libertas, o grupo de pesquisa em Gênero, Identidade e Sexualidade – GIS e o Laboratório de Antropologia e Sociologia - LABAS; Membro da Rede de Frente: Rede de Enfrentamento à Violência contra as Mulheres (Coordenado de Pesquisa); Membro da Rede de Pesquisa, Ensino e Extensão em Educação nas regiões Centro-Oeste e Norte do Brasil e na América Latina/RECONAL-Edu; No ensino atua na área de Ciências Sociais, com ênfase em Sociologia e Antropologia e Metodologia da Pesquisa; na pesquisa atua com os seguintes temas: Gênero, Identidades, Sexualidades, Decolonialidade, Masculinidades, Feminilidades e Travestilidades, em suas intersecções no campo da saúde, educação, violência de gênero e direitos humanos; na extensão vem desenvolvendo ações que envolvem relações gênero, sexualidades e práticas educativas.

 

Antigos Pós-doutores/as

 

Talita Roim

Talita Roim

talitapbroim@gmail.com

http://lattes.cnpq.br/9247735557624479

Doutora pelo Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais UNESP/Marília na linha 2 - Cultura, Identidade e Memória, trabalha com projeto sobre Gastronomia e Antropologia para a construção da identidades culturais nas diferentes formas no consumo de alimentos. Mestre em Ciências Sociais pela Universidade Estadual Paulista Julio Mesquita Filho - campus de Marília, também possui graduação (licenciatura e bacharelado) em Ciências Sociais pela mesma universidade. É bacharel em Turismo pela Associação Cultural e Educacional de Garça - FAEF (2006) e possui Pós-Graduação, nível de especialização, em Metodologia de Ensino pela Associação Cultural e Educacional de Garça - FAEF (2008). Atualmente estuda o campo das ciências sociais no Brasil; Antropologia da Alimentação e Gastronomia Brasileira. Nação e formação de cozinha nacionais. É pesquisadora em três grupos de pesquisa cadastrados no CNPq:  Grupo de Estudos Cultura, Consumo e Alimentação - GECCA-UFG; Grupo de Pesquisa Social - GPS-Unesp/Marília e Grupo de Pesquisa Enfoques Antropológicos - GEA-Unesp/Marília.

 

Yussef Daibert

Yussef Daibert Salomão de Campos

yussefcampos@yahoo.com.br

http://lattes.cnpq.br/7307745252496902

Professor Adjunto-A da Faculdade de História e dos Programas de Pós-Graduação em História e em Projeto e Cidade (Arquitetura e Urbanismo) - Universidade Federal de Goiás. Doutor em História (Universidade Federal de Juiz de Fora); Mestre em Memória Social e Patrimônio Cultural pela Universidade Federal de Pelotas-RS. Graduado em Direito pela Universidade Federal de Juiz de Fora; Especialista em Gestão do Patrimônio Cultural (Granbery e PERMEAR, Juiz de Fora-MG). Pesquisa o patrimônio cultural a partir da relação entre História, Memória e Identidade, além de suas nuances jurídicas. Durante o mestrado participou, como bolsista CAPES, do projeto Perspectivas Teóricas sobre el Patrimonio Material e Inmaterial en Sudamerica (Brasil y Argentina), do Programa de Cooperación Internacional Asociado para el Fortalecimiento de la Posgrado, Brasil / Argentina (CAFP/BA), que resultou da cooperação acadêmica entre os programas de pós-graduação em Economia Política de la Cultura, Estudios sobre Producciones Culturales y Patrimonio de la Facultad de Filosofia y Letras (ICA/FFyL), de la Universidad de Buenos Aires (UBA), e em Memória Social e Patrimônio Cultural da Universidade Federal de Pelotas/Brasil. É membro do ICOMOS-Brasil (International Council of Monuments and Sites). Colaborou, como co-organizador e autor, nas edições 35 e 36 da Revista do Patrimônio, em comemoração aos 80 anos do IPHAN.